Wednesday, March 30, 2011

Para constar

Me mostraram uma crítica a um post do Pedro. O negócio é que o crítico entendeu muito menos do que devia; falou muito mais do que poderia. Entendeu muito menos, por tomar a descrição de um problema como afirmações contrárias às convicções ideológicas dele. O leite já entornou, amigo. (Sacudir princípios ideológicos diante de fatos não é privilégio de esquerdistas. Taí um liberal que não me deixa mentir.) Falou muito mais, por vir com choradeira do bem-que-minha-mãe-avisou. Expediente muito brasileiro. O cara justifica a bronca porque sofreu uma traição, a qual já tinha sido predita por amigo/namorada/sacerdote/cosmos. A admiração superficial sempre leva a uma decepção afetada. Deus nos livre desses admiradores.

Ah sim. A crítica se chama Pior defesa do blog da Bethânia feita por um liberal. Concordo! O Pedro não escreveu nadica de nada que dê a entender qualquer defesa. Então é lógico que só pode ter sido bem tosca a intenção de ajudar a Bethânia. (Cá entre nós, o título já é o abre-alas do besteirol.)

4 comments:

Da C.I.A. said...

Gostei da sua crítica à minha crítica da defesa de Pedro frente aos críticos do dinheiro que será dado pra Bethânia.
Mas falando sério, algumas coisas precisam ser esclarecidas:
- Não fiz uma crítica "como liberal", detesto este tipo de argumentação. E, no caso, foi ele quem chamou Adam Smith em seu socorro, não foi?
- Fiz questão de deixar claro que sempre admirei as idéias e dos textos dele, só citei o caso em que ouvi uma crítica "a ele" ( notar, não ao que ele pensa/escreve ) pois achei válida de ser lembrada para o caso em questão: tenho certeza que muitos que o lêem devem ter ficado contrariados com o artigo;
- Dizer que ele NÃO defendeu o privilégio a que Bethânia terá acesso é forçar a barra. Note que ele até dá uma piscada pros manos liberais quando ao final fala em privatização possível.

De qualquer forma, gostei de descobrir o seu blogue...Mas fique tranquila, não vou admirá-la para não correr o risco de fazer isto superficialmente.

Abraços,
Passista da Unidos do Besteirol

Joao Toniolo said...

OLÁ, TANJA!

Como não achei o seu e-mail, escrevo por aqui.

A editora católica Ecclesiae está lançando o livro "Hereges" do Chesterton. Creio que seja de bastante interesse a você. A edição é de grande qualidade e com boa tradução. Se você puder divulgar no seu blog o lançamento, seríamos muito gratos a você. Os banners que podem ser usados, bem como uma resenha que vocês podem postar, encontram-se aqui: http://www.ecclesiae.com.br/livros-ecclesiae/hereges/material-de-divulgacao.html

Muito obrigado pela atenção. Que Deus abençoe.

Abraços,

Tanja Krämer said...

Pior que eu ia colocar o danado do banner mesmo. Que coincidência!

Joao Toniolo said...

Oi, Tanja!

Que bom! Muito obrigado!

Abraços,