Saturday, February 21, 2009

Mitten wir im Leben sind

Como eu disse no outro post, Lutero fez uma tradução do hino Media vita in morte sumus. É a Mitten wir im Leben sind. Na verdade é mais que uma tradução. É outra versão. Lutero quis desenvolver mais o original. A versão dele é bem maior.

Eu também disse que pelo menos o Bach e Mendelssohn musicaram esse hino na versão do Lutero. No Youtube não encontrei nada. Ainda bem que eu tinha essas músicas.

Eu tinha achado uma página com o hino e uma tradução para o inglês. Como não sei se a página vai durar muito, coloco pelo menos o original em alemão. Só não me perguntem se no alemão do Lutero estava escrito assim.

Mitten wir im Leben sind
Mit dem Tod umfangen.
Wen suchen wir, Hülfe tu,
Daß wir Gnad erlangen?
Das bist du, Herr, alleine.
Uns reuet unser Missetat,
Die dich, Herr, erzürnet hat.

Heiliger Herre Gott,
Heiliger starker Gott,
Heiliger barmherziger Heiland,
Du ewiger Gott,
Laß uns nicht versinken
In der bittern Todesnot.
Kyrie eleison.

Mitten in dem Tod ansieht
Uns der Höllen Rachen.
Wer will uns aus solcher Not
Frei und ledig machen?
Das tust du, Herr, alleine.
Es jammert dein Barmherzigkeit
Unser Sünd und großes Leid.

Heiliger Herre Gott,
Heiliger starker Gott,
Heiliger barmherziger Heiland,
Du ewiger Gott,
Laß uns nicht verzagen
Vor der tiefen Höllen Glut.
Kyrie eleison.

Mitten in der Höllen Angst
Unser Sünd uns treiben.
Wo solln wir denn fliehen hin,
Da wir mögen bleiben?
Zu dir, Herr, alleine.
Vergossen ist dein teures Blut,
Das gnug für die Sünde tut.

Heiliger Herre Gott,
Heiliger starker Gott,
Heiliger barmherziger Heiland,
Du ewiger Gott,
Laß uns nicht entfallen
Von des rechten Glaubens Trost.
Kyrie eleison.

Agora, as músicas. Primeiro, a versão do Bach, BWV 383. É um coral mais ou menos simples. Só uma parte do hino é cantada.



A música do Mendelssohn faz parte do op.23 (Drei Kirchenmusiken). É a terceira do opus.

3 comments:

Que nome said...

Realmente,

"Save us, Lord, from sinking
In the deep and bitter flood.".

"Donna nobis pacem".

Inaiá.

Que nome said...

Ou sei lá, que venha 2012!

Inaiá.
inaias@yahoo.com.br

Inaiá said...

Hi, here i am back, Inaiá. These days i don't think it's good letting my email public anymore. Could you please erase it from my previous comment? To much spam. Thanks!