Thursday, August 14, 2008

Intimidade

Essa notícia no blog da Liz me fez pensar numa coisa. É só uma coincidência existir na nossa época uma epidemia de exibicionismo, técnicas de controle mental e totalitarismo? Parecem meios diversos para demolir o homem. Três vias da escravidão total.

7 comments:

Evelyn Mayer de Almeida said...

So p/ dizer que estou voltando...

Naej Hcer said...

entao ta...rs
esses dias tava ouvindo musica classica,ai me lembrei de vc hehe
Mozart,Summer Overture..demais...
bjoss

O Comentarista said...

Mas o mal sempre esteve por aí, de uma forma ou de outra. Talvez nossas formas contemporâneas de escravidão, e justamente porque são "as nossas" formas de escravidão, com as quais temos que lidar, é que parecem particularmente mais tenebrosas.

Tanja Krämer said...

Evelyn, não me canso de repetir: que coisa mais fofa o Bernardo! =)

Ixi, Jean, essa música é do Mozart não! Agora esqueci o nome do carinha que a compôs. Nem sei por que espalharam por aí que era do Mozart.

Olha Nicolau, essas formas de escravidão jamais aconteceram com a sofisticação atual. Nunca tentaram coisas como lavagem cerebral e outras técnicas de controle mental. Nem qualquer coisa parecida com totalitarismo. É horrível. O exibicionismo eu já não sei.

O Comentarista said...

Um dia vou escrever sobre a história da visão da história. Não vou entrar em outro debate (por ora), mas em princípio desconfio da idéia de que vivemos o pior momento da história humana. Claro que totalitarismo e controle mental são horríveis, monstruosamente horríveis, isso sem contar o carnaval baiano. Mas não sei se os monstros antigos eram mais brandos.

Rafael Daher said...

Por essas e outras considero Gurdjieff um dos maiores gênios da história.

Naej Hcer said...

caraca,eu tava achando estranho msm hehehe eh pra quem nao entende muito de musica classica,eh enganado facilmente hehehe eita...